quinta-feira, 25 de junho de 2009

vão

Anne Arden McDonald; s/título; fotografia
.



a mim
me basta um porto
inseguro
um ponto no escuro
um vão
em teus braços





[R.M. ]

.

Agradeço à poetamiga Betina Moraes a captura afetiva e a publicação, que muito me honra, no seu Redoma http://redoma.weebly.com/redoma-masculina.html

+ Betina Moraes
http://betinamoraes.blogspot.com/

5 comentários:

Renata de Aragão Lopes disse...

Lindo, Raul!

É desses poemas curtos
- que já dizem tudo -,
mas que nos dão
uma vontade ENORME
de com eles prosseguir...

Beijo.

há palavra disse...

Olá, Renata:

Grato pelo simpático retorno [nos dois sentidos...]

Olhe, tenho mesmo a predileção por textos curtos, tanto em prosa quanto poemas. Não sem motivo, minha "iniciação poética" se deu pelos haicais, admirador da cultura oriental que sempre fui e sou.

Ainda que "quantidade" seja um termo subjetivo quando se trata de arte/expressão: a questão é nunca se exceder, nada pode estar "sobrando" - tanto numa igreja barroca quanto num kakemono japonês...

Mas - sem dúvida -, mais me atrai a sugestão, que a descrição/narração...

Abraço grande pra ti, tudibom nos caminhos...

P.S.: uma frase do Voltaire que trata dessa [necessária] força da concisão [e o trabalho que envolve atingí-la]: "Perdoe-me, senhora, se escrevi carta tão comprida. Não tive tempo de fazê-la curta."

betina moraes disse...

raul,

é muito bem construído o teu poema.

tenho um site chamado Redoma, lá ficam versos especiais. tomei teu poema para o redoma (com os devidos créditos e o link para cá!) o endereço é:http://redoma.weebly.com/index.html

você está na etiqueta "redoma masculina".

peço você faça uma visita por lá e, além do teu verso, leia os outros poetas. todos muito bons!

usei a mesma foto que você usou. (geralemente coloco outra, mas a daqui está perfeita..)

grande abraço e sucesso, poeta!

há palavra disse...

Betina,

grato pela distinção e por ter me proporcionado estar em companhia de tantos outros distintos poetas.

Já havia adentrado o Redoma, como leitor, assim que conheci teu Versos & Idéias. Agora, fico honrado em ser lido por lá!

Abraço grande, bons caminhos!

Ana Patrocínio disse...

Como dizem: nos menores frascos têm as melhores fragrâncias! rs O mesmo com os poemas curtos, dizem tudo em poucas palaras, mas isso só para os mestres da literatura! Aliás, quando teremos a honra de contemplar o livro do mestre?

Beijabraços